Tecnologias de telecomunicações são a peça-chave para o desenvolvimento sustentável

O Huawei Sustainability Report, desenvolvido de acordo com orientações do Global Reporting Initiative, aponta que novas tecnologias devem otimizar recursos e reduzir impactos ambientais

2018.07.21

A Huawei acaba de divulgar o Huawei Sustainability Report, conteúdo anual publicado desde 2008 que mede os resultados da evolução tecnológica sustentável promovida pela empresa. O levantamento analisa como novas tecnologias podem contribuir para a redução do impacto ambiental, além de avaliar a performance de iniciativas da companhia.

De acordo com o estudo, o 5G será uma das peças-chave e abrirá novas oportunidades para aplicações que oferecem uma plataforma para soluções como impressões 3D, processos automatizados, tecnologias de blockchain, monitoramento de frotas e trabalho remoto.

“O 5G habilitará soluções que devem, além de gerar novos negócios, ampliar a eficiência de recursos e proteção do meio-ambiente”, comenta Priscilla Staell, diretora de Comunicação Corporativa da Huawei no Brasil. “Drones conectados, por exemplo, poderão ser usados para analisar infraestruturas de diferentes indústrias e tornar possível reparos em tempo hábil que evitem desperdício de recursos”.

O levantamento ainda aponta que as tecnologias de TICs devem contribuir com a construção da sustentabilidade global – soluções como inteligência artificial e projetos de gerenciamento de energia podem ajudar a sustentar economias circulares e reduzir emissões de carbono. “Só no último ano, nossos fornecedores reduziram em 63 mil toneladas suas emissões de carbono graças aos nossos projetos de sustentabilidade energética”, afirma Priscilla.

Outro destaque desta edição foi a tecnologia RuralStar 2.0, solução da Huawei que oferece conectividade 2G, 3G e 4G com baixos custos de infraestrutura para áreas rurais. Em 2017, a solução foi adotada por 12 operadoras de 8 países para conectar pessoas vivendo em regiões subdesenvolvidas e oferecer serviços de saúde, segurança e educação, além de promover o desenvolvimento econômico.

No último ano, a Huawei investiu cerca de 15% de toda a sua receita anual na pesquisa e desenvolvimento de tecnologias de eficiência energética, conservação de energia e proteção ambiental. A companhia acredita que a conectividade torna possível que o mundo se desenvolva de forma sustentável, e que a tecnologia deve tornar o mundo mais inteligente com novas variedades de negócios.

A Huawei contribui com os Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável da ONU, e faz parte da Organização Global de e-Sustentabilidade (GeSI) e da Aliança de Negócios Responsáveis (RBA).

O Huawei Sustainability Report 2017 foi desenvolvido de acordo com as orientações do Global Reporting Initiative (GRI) e sob supervisão da Bureau Veritas, e pode ser conferido na íntegra aqui.